segunda-feira, 24 de outubro de 2011

Reflexão acerca da utilização Twitter

Passaram de facto a galope estas quatro intensas semanas em que descobrimos o Twitter. Pessoalmente tenho desta ferramenta a melhor das opiniões, para além de muito prática e intuitiva é um excelente meio de informação, fiz descobertas interessantes, outras menos, mas no cômputo geral, este tirocino de Twitter reforçou aquilo que já sabia sobre a ferramenta, bem como a boa impressão que tenho dela.
Acredito que é uma ferramenta muito importante no actual contexto das tecnologias colaborativas de informação, que se usada com parcimónia e atenção poderá ser um instrumento muito útil para complementar a actividade profissional, ainda que seja de notar a existência de alguns escolhos e problemas ao nível da segurança que convém ter presentes, mas esses problemas decorrem da pouca atenção e da pouca formação que têm sido ministradas sobre esta questão, no entanto tal facto não macula em demasia a boa impressão que possuo desta ferramenta.
Em termos profissionais o Twitter, tem muito potencial, quer ao nível da plataforma clássica de informação quer ao nível da partilha de conhecimentos, poderá ser complementada com outras ferramentas mais poderosas no que concerne à partilha de ficheiros e melhores comunicações, a utilização do Twitter, reforça a credibilização de um perfil profissional, não podendo ser objecto de legitimação única é uma boa ferramenta, existe porém um lado negro de contas falsas, spammers e contas pirateadas sem que o seu utilizador disso se aperceba, facto que poderá fazer minar a confiança, ainda assim esta é uma excelente ferramenta que em termos profissionais ajuda à partilha e à discussão, reforça os laços da concepção e redistribuição do saber, pode servir de reforço ao processo da discussão crítica.
Devo confessar que não tive muito contacto com outras ferramentas similares de microblogging, excepto breves experiências com o Yammer e com o Jaiku, sendo que o Yammer é uma ferramenta altamente profissional e muito segura, já o Jaiku é muito semelhante ao Twitter, assim sendo a possível comparação que posso fazer, é a de que em contexto profissional o Yammer é melhor do que o Twitter, dado tratar-se de um tipo de ferramenta de microblog objectivamente criada para a utilização em contexto profissional, em relação ao Jaiku, as características são mais ou menos idênticas ao Twitter, poderíamos até dizer que se trata de um clone, pois até o símbolo é uma ave.
A laia de balanço final ou de conclusão, estou em crer que estas quatro semanas, pecam apenas por serem apenas quatro semanas, o que pode parece muito tempo, na realidade não foi, o percurso de aprendizagem foi muito atractivo e profícuo, dado que nos revelou algumas ferramentas que desconhecíamos, no meu caso cito o Scoop It, que me parece uma ferramenta muito interessante e que confesso não ter tido ainda tempo para explorar de forma mais conveniente.
Foi também muito interessante e compensador a exploração das funcionalidades do Twitter, aprendo algumas coisas interessantes, que podem seguramente servir para reforçar este caminho do eLearning. Foram-nos transmitidas as bases para o desenvolvimento de trabalho futuro, utilizando esta ferramenta saibamos pois coloca-la ao nosso serviço, tenhamos para isso disponibilidade e vontade, sendo que o que nos sobra na segunda, nos falta terrivelmente na primeira. O balanço é pois muito positivo, devidamente enquadrada, a ferramenta Twitter, num mais lato quadro de utilização e em complemento a outras ferramentas colaborativas e de produção de conteúdos, esta parece-me ser uma excelente ferramenta e estas foram sem dúvida quatro excelentes semanas de aprendizagem.

Boa semana
Francisco Pereira

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postar um comentário